segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Como escolher um bom profissional de Internet?

(Internet)
Com o advento das plataformas de desenvolvimento web amigáveis - WYSIWYG, What-You-See-Is-What-You-Get - houve um boom na área de Internet. Assim como o sobrinho do amigo do vizinho que é técnico de informática só porque conseguiu configurar a conexão à Internet pelo CD que acompanha o equipamento, na Internet, esse mesmo sobrinho é webmaster porque criou umas páginas baseadas em um template para o pai do amigo dele que tem uma locadora de vídeo. Consegue captar?! Profissionais de TI e Internet são pessoas capacitadas, que estudaram e criaram soluções inéditas e únicas. Já esses sobrinhos são oportunistas, se fazem pela falta de conhecimento das pessoas.

Comece avaliando o profissional pelo valor - financeiro e agregado - do seu trabalho. Assim como não existe comida e bebida legais por baixos preços, a mesma máxima vale para serviços e produtos. Claro, não é via de regra: há péssimos profissionais cobrando horrores por aí. Mas, ainda assim, leve em conta o profissional mais caro. A segunda consideração é verificar a qualidade e o prazo dos serviços. O profissional tem um portfolio? Dentre os trabalhos apresentados há uma homogeneidade? Você conhece alguém que já recebeu os serviços desse profissional? Se conhece, ótimo. Consulte essa pessoa. E não vale falar sobre aqueles (supostos) depoimentos que são exibidos no site dele.

Em suma: há profissionais muito competentes e muito medíocres em todas as áreas. A vantagem do profissional da Internet é que ele está na Internet e, como você pode imaginar, é possível pesquisar sobre ele antes mesmo de contatá-lo. Cuide-se com esses curiosos : )

terça-feira, 26 de novembro de 2013

Três (super) razões para possuir um site

super!
Não é luxo, não é supérfluo: é super. Possuir um site é tão natural - ou pelo menos deveria ser! - quanto um profissional qualquer disponibilizar um telefone para atendimento aos seus clientes. A clientela moderna e os potenciais clientes não estão buscando números de telefone. Não mais. Eles querem um e-mail, um site, um canal expresso e eficiente. Horário comercial é coisa do passado, gente! Um site atende seus clientes a qualquer hora, de qualquer lugar. 

#1 - Disponibilidade

Principalmente. Por isso está em primeiro lugar. Seus clientes e potenciais clientes - que somente encontrariam seu atendimento por telefone - passarão a ter um canal integrado de alto valor agregado: seu site. E eles poderão acessar e se comunicar com você de qualquer lugar e a qualquer hora. Simples.

#2 - Eficiência

A clientela moderna não gosta de telefone. Assuntos urgentes são tratados pessoalmente em reuniões e os demais, por e-mail. E você pode integrar Intranet ao seu site e acessar as suas informações sem precisar voltar ao escritório.

#3 - Valor agregado

Já dizia sua avó que a primeira impressão é a que fica. Nada contra quem usa e-mails gratuitos - e que não são ruins, em sua maioria - mas possuir um e-mail próprio e um site pesa em qualquer cartão de visitas. Deixe o amadorismo para seus concorrentes : ) 

E se após ler esse texto você ainda pensa como um empresário antiquado que vê site como gasto e não como uma ferramenta indispensável, repense. 

quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Desenvolvimento planejado - 2014

fonte: Internet
Não sei se você já se deu conta, mas estamos com um pé em 2014. É hora de se programar para inovar e começar muito bem o ano com um super site. Já possui um site? Que tal atualizar o seu conteúdo? Sites estáticos não são legais e seu público precisa saber que você continua vivo.

Vamos marcar um café? Conversaremos com calma sobre cada etapa que envolve a criação do seu site, dos textos ao layout. Podemos começar registrando seu domínio. E podemos manter contato enquanto você precisar tirar dúvidas. Sem problemas. E quando você estiver pronto, iniciaremos o projeto. 

Mas não durma no ponto: costumo trabalhar com - no máximo - três sites. Sim, sigo sagrados cronogramas.

Pronto?! Fale comigo hoje ainda.

segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Do uai ao tchê!


Tive a grande satisfação de conversar com o pessoal da Kinghost sobre esses seis anos de parceria. Bacanas que só, até publicaram uma matéria no blog.kinghost.com.br contando um pouco da minha trajetória empreendedora, a credibilidade da Kinghost e meu pulo aqui pro Rio Grande. E que venham mais seis anos!

http://blog.kinghost.com.br/2013/11/inspire-se-redescubra-se-e-reinvente-se-e-conheca-lucas-toledo/

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Case #1 RS - Gordo Tecnologia

Nem bem cheguei no Rio Grande e já fiz casa com o primeiro case sulista. Fundada em 2011, a loja ganhou um super site exclusivo com navegação facilitada e limpa. Com um layout clean e funcional, o gordotecnologia.com.br foi publicado em meados de julho desse ano (2013) angariando muitos acessos e agilizando os contatos da loja com seus clientes.

Seja on

layout - clean e funcional

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Menos é mais: layout

fonte: Internet
Menos é mais. Lembre-se disso durante este texto e, depois que terminar de ler, repense sobre tudo o que você considerava legal para se ter num site. Nesta primeira postagem sobre o tema, consideremos apenas o layout, em termos gerais, incluindo a fonte (tipo de letra) previamente escolhida.

Um layout deve seguir uma série de critérios para ser definido. Um dos critérios mais importantes é o tamanho (em largura) em relação ao conteúdo proposto. Não adianta querer um layout com 800p de largura para páginas que não serão preenchidas de forma satisfatória. Logo, não queira um site que ocupe toda a tela se não tiver conteúdo suficiente para veicular.

Outro detalhe importante quanto ao layout é a disposição do conteúdo e a fonte. Muito texto solto na tela não fica legal, muitas imagens para exibir sem um padrão definido, também não. O tamanho da fonte também é tão importante quanto a própria fonte escolhida. Textos pequenos em páginas grandes não são bacanas. Antes de pensar num layout, defina o que você quer veicular em cada página. Claro, eu posso ajudar nesse processo inicial.

Quanto às cores, seja muito cauteloso. Particularmente, eu não gosto de visualizar sites muito coloridos, que usam cores à la vonté e que não se mostram atrativos. Um site atrativo não é aquele que possui animações, que possui um monte de cores e widgets sem sentido... isso é bagaceira. Tenha em mente que o site é sua apresentação, é como seus potenciais clientes o verão pela primeira vez. Por isso é fundamental estudar cada passo antes de simplesmente se jogar uma página qualquer na Internet. É a sua imagem.

Para finalizar esta primeira postagem sobre o tema 'menos é mais', o erro mais comum entre todos os possíveis e imagináveis: seu logo. Uma página bem formatada e muito bem elaborada não pode exibir um logo feio. E quando eu digo feio me refiro a sua disposição versus seu tamanho. Seu logo deve estar facilmente visível, proporcionalmente alinhado e cuidadosamente ajustado. 

Se você ainda possui dúvidas, entre em contato agora. 

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Sites administráveis

(Internet)
Você adoraria poder administrar o conteúdo do seu próprio site mas dependeria de um webmaster para fazer isso, certo? E ele não deve cobrar o tal valor justo que você considera, provavelmente. A solução que você encontrou num desses fóruns ou por e-mail-marketing-vulgo-spam é comprar uma plataforma administrável. Legal. Mas não. E não caia nessas de Joomla e afins.

Sites administráveis seguem padrões específicos, não possuem muitas alternativas voltadas ao design mas podem ser uma saída muito eficaz para quem não se importa com algo chamado de exclusividade. Convenhamos: de sites quadrados e toscos a Internet 'tá cheia e você não quer ser mais um, apenas. Você quer aparecer, estar à frente. Então, você precisa de um site exclusivo. E você precisa de suporte qualificado para gerir seu conteúdo. Você precisa de mim!

E quanto aos valores, um site administrável - e quadrado e nada legal - pode custar o dobro do valor que custaria um site exclusivo e bem legal. A escolha fica a seu critério: sua imagem muito bem representada e um webmaster à sua disposição ou um site nada legal para sua imagem e você gerenciando conteúdo. 

Pense nisso como um potencial cliente pensaria e não em cifras, apenas.

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Cartão de visitas

Da China no século XV, da Europa entre jogadores de cartas ou da corte de Louis XIV da França no século XVII seguindo a tendência o que há por trás disso?! (yes, I love my job) com meu cartão de visitas mais recente, apresento a arte frente e verso. Você também teria a curiosidade atiçada se o recebesse por aí, admita! =]


face do cartão

verso do cartão

Design é parte fundamental para quem trabalha com Internet e desenvolvimento - seja lá qual for a área de desenvolvimento. Porque, de que vale uma boa programação e alguns pares de ideias sem um baita design para encantar?! Lembrando que esta arte não é oficial para fins de publicidade e propaganda e que, se você precisar de material, será necessário solicitar por e-mail.

Internet, negócios e cafés

Minha mais ousada e criativa campanha. Este é o título original da primeira campanha à frente da nova imagem como profissional web no Rio Grande do Sul que foi veiculado por e-mail na região de Não-Me-Toque e adjacências. A ideia central é prender a atenção àquilo o que seria comumente ignorado - caso fosse apresentado da forma com que todas as agências (digitais ou não) apresentam - tanto na perspectiva visual quanto na curiosidade explícita em saber o que há por trás disso?! A mesma ideia foi impressa no cartão de visitas - que será apresentado aqui, em breve. A seguir, o texto.

O que você vê?

A Internet é a fonte mais promissora de negócios, contato e informação. E cá entre nós, você já deveria estar lá faz tempo! Você está pronto? Saiba tudo sobre Internet, negócios e cafés em llucastoledo.com.br.

Seja on.